organizar estudos

7 dicas que você precisa saber antes de começar a estudar!

Há uma máxima entre estudantes e professores de que todo estudo necessita de organização, embora seja possível o desenvolvimento em situações caóticas, sobretudo em processos criativos e de forma lúdica. O fato é que nem sempre temos todo o tempo disponível para se utilizar de formas mais livres durante nossos estudos. Neste cenário se faz necessário algum tipo de planejamento.

Seguem 7 dicas importantes, que você precisa ter em mente, antes de pensar efetivamente sobre a matéria que necessita aprender:

[lwptoc numeration=”none”]

1- Defina o conteúdo.

Uma vez que o tempo é sempre um fator limitante, não conseguimos dar conta de todo o conteúdo, imagine aquela prova em que o professor informa, com uma semana de antecedência, que vai cair do capítulo 3 ao 15 do livro. Em alguns casos, isto pode chegar a uma quantidade enorme de páginas, o que torna o aprendizado impraticável, principalmente se você deixou acumular estes conteúdos.

Você precisa então definir dentre todo o material disponível o que é relevante e possível de ser estudado e assimilado no período disponível. Leve em conta alguns itens em sua decisão:

  • O que o professor deu mais ênfase durante as aulas?
  • O que é mais frequente em listas de exercícios ou atividades anteriores?
  • O que você tem menor dificuldade para aprender?
  • O quanto você precisa ir bem na próxima avaliação?
  • O que seus colegas acham relevante estudar?

Seja criterioso, você está se fazendo este conjunto de perguntas justamente porque não dispõe de tempo para estudar, não aceite respostas como “tudo é relevante”.

Com alguns poucos parâmetros você consegue identificar quais são os tópicos não só mais relevantes, como com maior probabilidade de serem cobrados e ainda direciona seus estudos para aqueles conteúdos que você conseguirá aprender no tempo disponível.

Definido o conteúdo, esqueça dos itens que ficaram de fora, resista a qualquer tentação de inserir novos tópicos, concentre-se no que você definiu como possível de ser estudado no período disponível. Um novo tópico vai demandar mais tempo e você não tem, para resolver isto você vai gastar mais tempo replanejando, ou vai estudar menos aqueles tópicos que você, criteriosamente, identificou como primordiais.

material de estudo

2- Organize o material

Uma vez que você definiu o que vai estudar, agora pode pensar qual é o material necessário para concretizar o aprendizado deste conteúdo? Para responder está pergunta você pode observar:

  • Qual o material base utilizado durante as aulas?
  • Qual o material de apoio indicado pelo professor?
  • Quais exercícios, ou textos, ou materiais dispõem sobre os assuntos que listou como relevantes?
  • O que você á possui deste material e o que precisa providenciar?
  • Além do material relacionado à disciplina, o que mais necessita? Considere aqui itens como calculadora, caderno, canetas, borracha, lápis, corretivo, régua, etc.

Se apresente com todo o kit necessário para o seu período de estudos, evite ao máximo ter que parar para providenciar um item que você poderia ter providenciado anteriormente.

Nas primeiras vezes em que fizer isto, vai se ver parando os estudos em busca de um apontador, ou de uma outra caneta. Com o tempo, você vai aprender que é mais prático ter mais de um lápis e de uma caneta à mão, do que suspender seu aprendizado para providenciar qualquer destes utensílios.

3- Defina o local

O local em que você realiza os estudos pode frustrar seu melhor plano. Eventualmente, você pode ter definido o conteúdo, organizado o material necessário, e escolhido estudar em uma sala de uso comum. Chegando lá não há espaço disponível, ou ainda há um barulho demasiado.

Outro erro comum é estudar em casa em um local em que outras pessoas têm livre acesso, ou ainda que você é constantemente chamado por um familiar. Nestes dois casos, seu planejamento foi por água abaixo.

Para definir o local faça as seguintes perguntas:

  • Como ele deve ser?
  • Que mobília ele precisa ter disponível?
  • Quanto espaço este local precisa ter?
  • Precisa ser confortável? Se sim, quanto?
  • Precisa ser silencioso? Se sim, quanto?
  • Qual outro item é importante para você?
  • Quais destes itens são essenciais para a boa realização de seus estudos?

As perguntas acima não vão necessariamente te indicar onde estudar, mas elas vão te dizer algumas características que este local precisa ter. A partir daí é buscar um local que atenda o máximo destes requisitos ou criá-lo.

Caso você tenha ainda dúvidas entre estudar em casa ou em um local na universidade, por exemplo, opte por aquele em que os itens não atendidos podem ser melhor ajustados. As vezes é mais fácil conseguir não ser interrompido em casa do que obter silêncio em um local público, por outro lado, arranjar um local com mais espaço pode ser mais fácil na universidade do que em casa. A dica aqui é que você pode definir alguns locais possíveis de estudo, de forma bastante antecipada.